terça-feira

Fugas

Muitas vezes fugi de um amor , fugi quando amava e tinha a sensação que quanto mais intenso era o sentimento mais asneiras eu fazia perante quem amava . Em vez de dizer aquilo que me ia na alma , dizia asneira sobre asneira , e depressa concluía que o melhor mesmo era ficar calado . Tive situações em que recebi brincadeiras de péssimo gosto e em que sofria quer estivesse com quem amava ou não . Então aprendi a escolher cautelosamente o amor e a desaparecer sempre que desconfiasse que um certo caminho não tinha futuro , e isso nem era o pior , pior é ficar numa encruzilhada com um futuro incerto e um passado para esquecer . Aprendi a desaparecer quando num amor já nada houvesse para salvar , podia até estar a ser cobarde , mas era sem duvida o caminho menos complicado . Pode parecer meio mentira , mas era a minha verdade . Algumas vezes desapareci , porque a ausência requer um monte de paciência , pode ser um risco grande , mas é sinal de sabedoria e muitas vezes de ganho . Algumas vezes tentei parecer desinteressado e houve vezes em que desapareci , para simplesmente poder voltar e ficar para sempre lado a lado . Às vezes a saudade faz mais pelo amor , que a desajeitada e irreflectida presença de quem se ama .


quarta-feira

Sou Assim

Apesar dos tempos modernos , das tecnologias , das novas normas e até novas moralidades , eu sou romântico e isso fode literalmente a minha vida . Sou incapaz de não acreditar numa palavra , num gesto , num sorriso . E quando quero , quero porque quero e acredito no meu querer . E espero que o meu querer dê certo , que o meu querer encontre um outro querer mesmo ali onde eu sonhei . E sonho , deixo que os pés se levantem do solo e voem entre as nuvens que o meu coração pinta do dourado da felicidade . Se em vez de eu ser assim , se eu tivesse vindo ao mundo com gelo na alma e um coração que fosse apenas um mero músculo , de certeza a minha vida teria sido bem mais fácil e com muito menos dores e decepções . Mas se eu fosse um monstro de gelo eu não seria quem sou , não seria eu . E embora carregando com as cicatrizes que implica o ter um coração de manteiga , ainda assim , eu gosto de ser como sou e acho que me odiaria a mim mesmo se eu fosse de um outro jeito . E ainda que o quisesse seria incapaz de viver de outro jeito . Eu amo amar ...

terça-feira

Suave Rotina

Olho para ti ao amanhecer , com o teu cabelo solto , revolto , com odor a terra remexida , a hortelã recém colhida . Sinto o teu hálito a uva em plena maturação e o teu beijo que me embriaga nas gotas que escorrem dos teus lábios . Sinto o toque das tuas mãos , casual , mas ao mesmo tempo tão terno , tão intimo , tão suave e caloroso , que parece chama a brincar com os meus sentidos . Olho para os teus olhos , cuja cor ao acordar é indefinida , pareces uma menina perdida ainda no mar de sonho de onde saíste . A cama contém o cheiro do teu creme , do teu perfume e da tua pele e essa mistura de odores é afrodisíaca , baralha-me os sentidos , excita-me . Ouço o teu primeiro bom dia , recebo o teu primeiro beijo , escuto a tua primeira gargalhada , aninho-me tranquilo no teu primeiro abraço . Vejo contigo o dia desnudar a noite , ouço contigo o canto dos pássaros que pela manhã celebram a vida , vejo contigo , os arabescos dourados do sol , que entram pela janela que teimas deixar entreaberta , e preparo-me contigo para mais um dia . Partilhamos o momento do café da manhã , contamos os sonhos da noite , rimos feito crianças , falamos de trabalho , partilhamos segredos , preocupações , alegrias e vitórias . Deixamos o tempo passar no relógio que nem olhamos , ficamos quietos , num momento só nosso , enquanto devagarinho a casa acorda, e mais sorrisos se juntam aos nossos . Despedimo-nos com um até logo pleno de certezas e de saudade , mas sabemos que a saudade morre no fim da tarde , quando nos reencontramos e falamos do nosso dia , das nossas vitórias e derrotas e confessamos cansaço . E depois esquecemos os cargos , os títulos , as responsabilidades , esquecemos o cansaço e brincamos feito crianças . Rimos com vontade , dizemos um monte de bobagens , somos nós mesmos no seio da nossa privacidade . E caminhamos para a noite que nos absorve e nos devolvera aptos e felizes para mais um dia ...



Deixo à Brisa ...

Hoje fechei os olhos e tentei repensar em todos os meus desejos . Fiquei feliz ao recordar os desejos que já realizei e ao sentir perto de mim o carinho das pessoas que mais amo . Com apoio e amor tudo tem solução na nossa vida , todos os problemas se resolvem e seguimos o caminho da realização . Não sei se muito ou pouco tempo me resta de vida , mas sinto-me realizado , amo profundamente e sinto a alma florescer , e nesse amor sinto respeito , carinho e consagração . O Deus que sempre segui fez morada na minha alma , e hoje apetece-me fazer um minuto de silêncio por todas as minhas dores , resolvi enterrar todo o meu passado , e viver o Presente que posso mudar a cada minuto e construir o Futuro que vem por ai . E grito à brisa da tarde todas as minhas loucuras , carregando-as por todos os lugares do mundo , onde a natureza as embala no seu seio maternal . Entrego a Deus tudo aquilo em que penso , o que quero e deixo à natureza mãe o grito que carrega os meus desejos . Fecho os olhos e deixo que a luz me cubra e me ilumine , deixando no meu coração a vontade de acreditar em mim mesmo ...


imagem