sexta-feira

Além do meu limite

Se eu sozinho carregar nos meus ombros
a responsabilidade de um mundo melhor
vou certamente sentir-me mais cansado
e fatalmente , um dia desanimarei
e irei sentir-me impotente
perante as dificuldades
Sou apenas um ser humano
frágil e cheio de limites
mesmo que eu queira fazer a vontade do Pai
Mas junto de mim eu tenho um ombro amigo
alguém que caminha comigo
cujo exemplo de fé
me obriga a caminhar em frente
e que me encoraja com a palavra certa
que nem por um momento me deixa desanimar
que me faz ir além do meu limite
em direcção à perfeição
que eu tenho a certeza que o ser humano pode alcançar
Por isso eu preciso tanto de ti , amor
e sei que também precisas de mim
e juntos , somos substancialmente mais fortes
porque o nosso amor é um suporte
vencendo tantas fronteiras
acredito que até a da morte
Eu sei que tens as tuas próprias limitações
Os teus próprios defeitos
mas erros quem não os comete?
medo quem o não tem?
Eu admiro a tua sinceridade
a tua lealdade e fidelidade
o jeito com que perdoas os meus erros
e respeitas as minhas emoções
censuras as minhas asneiras
mas ajudas-me com soluções ...
E juntos , lutamos por um mundo
onde haja mais compaixão , fraternidade
paz entre os humanos
e verdadeira solidariedade
isso deixou de ser utopia
não é sequer uma ilusão
Porque juntos , fazendo um pouco
poderemos levar luz
nem que seja só um pontinho
a furar a escuridão

1 comentário:

Val disse...

Boa tarde Gonçalo!Lindo além do limte querido.Maria e Gonçalo continuem assim, estas pessoas transparente, meigos e doces, não deixe que nada, mas nadinha mesmo das agruras da Vida, tirem de vocês estas qualidades especiais.
Beijos com carinho

imagem