quinta-feira

A queda da Soberba

Conta uma velha historia que há muito tempo atrás existiu uma rã muito "tia", "dondoca"
que queria viver longe do clima frio do rigoroso inverno.
Os gansos que se preparavam para a sua migração anual, ouvindo-a , aconselharam-na a migrar com eles.
Mas o grande problema da rã é que ela não sabia voar.
- Se eu pensar , eu arranjo solução, comentou a rã, afinal tenho um cérebro muito inteligente.
E depois de pensar maduramente no assunto , pediu a dois gansos que apanhassem um ramo vigoroso de uma árvore e que pegando um de cada lado o mantivessem bem seguro.
A rã resolveu que agarraria o pau com a boca e "voaria" junta com eles.
Quando chegou o dia em que os gansos decidiram partir, dois deles seguraram o pau no bico, cada um em sua ponta e a nossa rã toda feliz , lá se pendurou no galho pela boca.
Elevaram-se a uma altura considerável, a rã estava inchada de vaidade e algum tempo depois sobrevoaram uma aldeia e os bichinhos que por lá viviam , foram todos espreitar os gansos que pareciam uma nuvem de algodão.
Olhando com atenção , repararam na rã e muito espantados , perguntaram de quem teria sido tão inteligente ideia.
A rã que ao sentir-se o centro das atenções , não cabia em si de orgulho, gritou:- A IDEIA FOI MINHA!!!!!!
A vaidade foi a morte da pobre rã , porque ao gritar, soltou a boca do galho, caiu de uma altura tremenda e morreu.
Tal como aconteceu com a pobre rã, existem momentos da nossa vida , em que o excesso de orgulho faz cair por terra projectos que tinham tudo para dar certo.
Deus , por intermédio de Jesus , ensinou uma virtude muito importante , a humildade, valor muito esquecido nos tempos que correm.
Devemos sentir felicidade pelos nossos êxitos sem nunca esquecer que são efémeros e aceitar com humildade as derrotas ou as consequências dos nossos actos.
Jamais deveremos ostentar perante os outros aquilo que temos e muito menos o que sabemos , porque o que temos podemos perder a qualquer momento e os outros de certeza sabem coisas que nós nem imaginamos.
Devemos ser humildes, nunca nos sentirmos mais que os outros em aspecto algum , porque é da soberba que nos vem a maior queda.

2 comentários:

Val disse...

Bom dia Gonçalo!!!Maravilhoso seu texto querido.ser humilde é compreender que não está acima de ninguém, que não é superior a ninguém, ser humilde é ser uma pessoa simples, modesta, que não passa por cima de ninguém, ser humilde é respeitar a todos não importa quem.Enfim, uma pessoa humilde está sempre disposta a aprender e deixar brotar no solo fértil da sua alma, a boa semente.
Beijos com carinho

Fernanda Freitas disse...

A soberba é sem duvida o mal de nosso tempo.
Pior ainda quando atinge governantes sedentos de poder e capazes de tudo para se sentirem superiores.
Adorei sua musica neste blogger, de fato não existe amor sem dor e a vida nunca se torna fácil a quem ama de verdade.
Beijo com carinho.

imagem