domingo

Tesouros Celestiais

Certo dia morreu um senhor que tinha uma enorme fortuna pessoal.
Foi recebido por um anjo encarregado de o levar para a sua nova morada. Caminhavam por um local aprazível , que transmitia muita paz. O perfume que as flores dos muitos jardins que por ali havia , exalavam , era intenso.
Passaram por uma casa de aspecto agradável e o anjo disse que aquela era a casa da cozinheira do senhor que o acompanhava.
Ele admirou-se , uma vez que a cozinheira ainda não tinha morrido , mas calou-se.
Alguns metros à frente passaram por uma outra casa , agradável , com um pequeno jardim e o anjo informou que era a casa do motorista que tinha servido o Senhor que o acompanhava.
O senhor estava deveras feliz , pensava que se os seus empregados iam ter casas tão agradáveis , para ele que fora tão rico e poderoso , devia ter à sua espera nada menos que um palácio.
Andaram até um local meio escuro , com pouca luz e pararam diante de uma casa muito pobre e feia , quase uma barraca.
Com um sorriso o anjo disse ao senhor que ali seria a sua nova morada.

O senhor sentiu um arrepio de repulsa ao olhar aquele pobreza.
E interpelou violentamente o anjo , disse que era muito rico e poderoso e que não era possível que aquela barraca fosse a sua nova casa.
Serenamente o anjo reafirmou que era ali sim e explicou que essas casas são feitas com os materiais que nós os homens mandamos todos os dias da nossa vida. São materiais invisíveis aos olhos humanos , mas que Deus aproveita para erigir a nossa morada espiritual. Cada boa acção , cada gesto de humanidade , são materiais que Deus transforma em autênticos tesouros para usufruirmos depois desta vida,
Muito chateado o senhor disse que era uma injustiça, que lhe era impossível ter mandado bons materiais já que ninguém o avisou disso quando estava na Terra.
O anjo apenas sorriu e lembrou-lhe , que embora talvez ele tivesse esquecido e como ele milhões esquecem todos os dias , há mais de dois mil anos que se fala num homem cujo Nome foi Jesus e que explicou muito bem e ensinou tudo sobre isso, dizendo que os tesouros do céu nenhum ladrão roubaria. Infelizmente os homens preferem os tesouros terrenos , negam a sua partilha arduamente e esquecem Deus.
Triste e sem ter o que dizer , o senhor que foi rico e poderoso na Terra , acolheu-se à misera casa que criara no céu.

1 comentário:

Val disse...

Boa tarde Gonçalo!Parabéns um texto belissimo querido.Vamos tentar amar verdadeiramente, porque sem amor nada somos.Somos vazios, mas com amor, este tesouro tão precioso e por vezes tão raro de encontrar nas pessoas, estamos cheios, somos tudo, somos preciosos e então estaremos nós no coração de muitas pessoas porque onde está o nosso tesouro aí está o nosso coração.Sejamos verdadeiros atos de amor neste mundo.Não sejamos calculistas, sejamos sentimentalistas e não preocupemo-nos se para o mundo perdermos a razão, porque o coração tem razões que a própria razão desconhece.Enfim; Desta forma vamos conseguir continuar e aumentar a nossa confiança e a nossa descoberta nesta vida.
Beijos com carinho

imagem