sábado

Procura

O vento arrasta as nuvens
para outro lugar
devagarinho o passado pára
fica na penumbra
dando lugar ao futuro
que timidamente me espreita
lembro o dia que interpelei Deus
numa noite serena
numa noite em que as estrelas
bordavam a dourado o negro
do universo
Pedi a Deus um amor
Um amor que não precisava ser especial
Um amor que não tinha que ser perfeito
mas que teria que me compreender
um amor que não era preciso ser feliz
mas que soubesse dar a felicidade
Um amor que não precisaria ser sábio
mas que soubesse ouvir-me com inteligência
e responder-me com calma
Um amor que não tinha que ser espiritual
mas onde houvesse o encontro de almas
Um amor que não teria que ser exemplo
de sensibilidade
Mas que soubesse secar o meu pranto
muito tempo passou, desde essa noite
e Deus
esqueceu de anotar no seu livro
onde escreve os sonhos dos mortais
o meu pedido feito nessa noite mágica
Durante dias e noites
voltei a interpelar Deus
a cobrar dele a realização do meu pedido
mas não obtive resposta
enfureci-me
como podia ele esquecer-me assim?
Deixei de encontrar Deus nas noites estreladas
deixei de o ver no desabrochar das flores
não mais o encontrei no sorriso das crianças
Tentei enganar-me
dizendo a mim mesmo que deus é ilusão
que não existia no firmamento
e que não eram dele as lágrimas
que nas noites de inverno me molhavam o rosto
E tentei ser Deus
Tentei eu mesmo realizar meu sonho
forçando o meu coração a acreditar
que cada amor encontrado
era o amor pedido a Deus
Mas o tempo sempre me mostrava que não
Cansei-me da procura
escondi dentro de mim a vontade de amar
e passei a não acreditar no amor
O crepusculo da noite voltou à minha vida
Senti-me só e perdido
entreguei-me aos braços da noite
e em seu seio adormeci
No sonho o teu rosto veio até mim
e perguntei
porque me acompanhava a tua presença
quando até Deus se escondia
Porque sempre me acariciavas o rosto
quando eu perdido procurava
um amor que queria perfeito?
O toque dos teus lábios
despertou-me do sono em que descansava
ao olhar com atenção
voltei a ver a face Divina
Sorri com emoção
a face de Deus iluminou-se
e sorrindo apontou-me o teu rosto
tentei correr para Deus
abraçar a luz que dele emanava
mas a imagem dele dissipou-se
perante as minhas lágrimas de decepção
e meus braços vazios
abraçaram o nada
De novo a noite me acalentou
em seu seio
cansado, voltei a adormecer
embalado pelo sonho
em que visualizara teu rosto
Fiquei quieto, adormecido
até que o dia amanheceu
Pensei ser um dia comum
um dia igual a todos os outros
Até que recordei o sonho da noite
recordei o teu rosto
que estava ainda na minha memória
procurei-o
Em todos os lados
sem o encontrar
em vão
desesperado
procurei dentro do meu coração
e lá encontrei-te
e vi de novo Deus que me sorria
Então compreendi como fui cego
esquecido de mim procurei como insano
um amor que idealizei
sabendo que era ilusão
esqueci da vida
procurando aquele amor
que eu teimosamente queria
só que eu já o tinha encontrado
e não sabia
Tu amaste-me sem que te pedisse
cuidaste de mim sem que eu percebesse
e mostraste-me ser
o amor que sempre procurei
Só então me dei conta
que Deus atendeu o meu pedido
assim que o fiz
mandando-te para mim
guardando o teu rosto em meu coração
até que acordei
e te encontrei


3 comentários:

meu anjo disse...

Assim... Os momentos difíceis tornam-se em momentos de reflexão...
São momentos de avanço e nunca de paragem...pois tudo Aqui não passa de uma Aprendizagem!
É tão bom sentirmos que a nossa vida, influencia de alguma forma outra vida, sentirmos que vale a pena viver, pois a nossa vida é tão valiosa para alguém que também vale tanto pra nós.Desejo que sua vida seja plena de felicidades sempre!!!

Valquiria disse...

Assim... Os momentos difíceis tornam-se em momentos de reflexão...
São momentos de avanço e nunca de paragem...pois tudo Aqui não passa de uma Aprendizagem!
É tão bom sentirmos que a nossa vida, influencia de alguma forma outra vida, sentirmos que vale a pena viver, pois a nossa vida é tão valiosa para alguém que também vale tanto pra nós.Desejo que sua vida seja plena de felicidades sempre!!!

Anónimo disse...

Talvez não encontre palavras;mas são lindos seus poemas as letras que tocam nossos corçõe;um jovem de alma falante!passo horas e horas,lendo o que vc escreve;e não me can
so.parabens;é tudo maravilhoso.quem sabe um dia antes que eu morra;você não faz um poema para mim e escreva meu nome nele?beijos

imagem