quarta-feira

O NOSSO PRAZER


Dormes tranquilo, com ar sereno, feliz

Mais uma noite nos teus braços

Onde nos amamos, como dois loucos apaixonados

olho o teu rosto e sorrio, penso o quanto te amo

e quanto somos felizes juntos,
castigo-me saindo do calor do teu corpo

entro no duche, onde lembro como nos amamos,

por instantes fecho os olhos,
sinto o toque das tuas mãos ,
da tua boca na minha orelha

nao quero abrir os olhos, se for a minha imaginação

quero que vá ate ao fim.

A tua boca desliza pelo meu pescoço,
as tuas mãos percorrem o meu corpo,
despertando de novo todas as sensações que me provocas.

No momento em que as nossas bocas se tocam
sei que não é imaginação , e deixo-me levar de novo, por ti,
para esse mundo que é o prazer.

Mordendo o teu lábio , arranho as tuas costas ,
provocando o teu gemido

vou descendo pelo teu pescoço com a minha boca,
na tua orelha sussurro

gemendo que quero de novo ser tua.

Encosto-te a parede e vou percorrendo todo o teu corpo

Beijo,

dou pequenas dentadas
provocando gemidos de dor misturada com prazer

Chego no teu sexo e delicio-me com o teu sabor.

A tua respiração está ofegante ,

Seguras em mim e debruças-me,

Com a mão no meu cabelo
penetras-me,

fazendo os meus gemidos aumentarem de tom
ao sentir-te de novo em mim.

Com a agua a cair sobre os nossos corpos,
sinto a tua boca nas minhas costas ,
abafando os teus gemidos,
enquanto aumentas o ritmo da penetraçao.

Ate que de novo o prazer nos avassala
e deixas em mim o fruto do teu prazer

Escrito por ANA

2 comentários:

Si disse...

Maravilhoso esse texto. Essa forma perfeita de amar, de se darem mutuamente. De mostrarem sem vulgaridade, apenas com amor. achei lindo

Abstrata disse...

Linda poesia...transpira o amor na sua melhor forma!! Vim olhar o blog e agradecer o carinho. beijos aos dois e um lindo fm de semana!

imagem