domingo

Amo-te
a cada frase tua
a cada sorriso teu
amo-te
A cada olhar que me lanças
a cada palavra que dizes
amo-te
A cada carícia tua
a cada gesto que fazes
amo-te
Amo-te nas madrugadas calmas
nas noites em que o frio une
os nossos corpos
em busca de um calor que se renova
ao toque da nossa pele
Amo-te
quando o sol brinca com o teu cabelo
e faz nascer nele
chamas feitas de luz
que arrepiam levemente o meu corpo
Amo-te
quando corres para mim
e abres os braços
cheios de amor
num carinho que transborda
na luz do teu olhar
Amo-te sem explicações
amar não se justifica
ama-se
não se explica
o mistério do amor
é amar

Sem comentários:

imagem