sexta-feira

Murmurio


Tenho na minha memória guardadas
todas as tuas palavras de amor
guardei-as no meu coração
como num cofre
um cofre cheio de segredos
de emoções
que só nós conhecemos
de momentos de ternura
de dor
de briga
de fragilidade
guardo como jóias preciosas
essas tuas palavras
sussurradas na quietude da alma
anda
vem ver o mar
o mar que nasce nos meus olhos
e que cobre o teu corpo
com o sabor do desejo
Palavras murmuradas
em momentos doces
ou tristes
em horas de alegria
ou de tristeza
palavras que são esperança
num coração
que te ama
ao som da tua voz que murmura
o poema do nosso amor
Palavras que sei de cor
palavras de carinho e ternura
guardo na minha mente
as palavras que soltas
no universo sentido
deste amor que nos une
palavras ditas
sussurradas
que bailam no vento da mágoa
com que as soltaste
talvez
Palavras nunca esquecidas
palavras de amor
e magia
de sonho
e de paixão
palavras sussurradas
que trago comigo
palavras que tenho guardadas
que trago seladas
no cofre do meu coração

1 comentário:

Milú disse...

«Todos os desejos são contraditórios como o do alimento. Gostaria que aquele que amo me amasse. Mas se ele me for totalmente dedicado, deixa de existir e eu deixo de o amar. E enquanto não me for totalmente dedicado, não me amará o suficiente. Fome e saciedade.
O desejo é mau e ilusório, mas, no entanto, sem o desejo não esquadrinharíamos o verdadeiro absoluto, o verdadeiro ilimitado. É preciso ter passado por isto. Infelizes os seres a quem o cansaço subtrai esta energia suplementar que é a fonte do desejo.Infeliz, também, aquele a quem o desejo cega.É preciso arrastar o desejo até ao eixo dos pólos.» Simone Weil

Pois é! A chave dos desejos é essa... quão difícil é pôr o desejo "nos eixos dos pólos".Lololol! Costumam-se levantar muros na direcção do desejo, para que nunca se enxergue aquilo que parece tentação e é perdição para muitos. Porém,a vida é composta por tentativas,onde as nossas falhas devem ser vistas como triunfo e o erro possa ser sanado e aperfeiçoado, posteriormente.O desejo é fundamental e não deve ser exagerado,posto que também é líquido, devendo ser doseado para que não cause embriaguez. Que seria do Homem sem o "desejo"? Creio que é exactamente isto que nos move na vida: a capacidade de sonhar! Sempre valorizando, é claro, os momentos que fazem parte do caminho e não somente o ponto de chegada. O cerne da questão é que são os sonhos que nos tornam humanamente vivos! Fica bem.

Beijinho

imagem