terça-feira

Bate, bate coração de vidro
gelado, estilhaçao, partido
Bate teimosamente
nunca pára de bater
bate coração de vidro
cansado , magoado
desolado e solitário
nesse seu triste bater
Nunca muda seu compasso
bate, bate ritmado
meu louco e triste coração
criando nas horas incertas
reflexos de puro diamante
trazendo a cada instante
o brilho terno da paixão
Bate coração de vidro
guarda nesse teu seio
os meus secretos segredos
não os contes a ninguém
guarda para ti amarguras
dores, loucuras,fantasias
e faz das minhas manias
o teu secreto segredo
bate coração de vidro
estilhaçado
sofrido
bate , bate, sem párar
bate não tenhas medo
porque és duro
és um guerreiro
ainda que sofras, que lutes
que negues, escondas
oprimas
que não contes a ninguém
a razão desse sofrer
bate coração de vidro
deixa que a vida venha
nunca pares de bater

Sem comentários:

imagem