sábado

Mulher ou fada?
etéreo ser que me seduz
que entrou na minha vida
levemente
Como uma brisa fresca
vinda do mar
Trazia nos cabelos de
espuma
o sabor das minhas
lágrimas
e nas mãos frageis
ternas
as caricias por mim
sonhadas
Nas palavras sussurradas
as promessas
de um amor para lá do
tempo
Mulher ou fada?
Ser etéreo
que entrou nos meus
sonhos
que pintou a minha noite
com o brilho
de mil estrelas
Não sei de onde vieste
mas vieste para mim
envolta numa luz
que já não ousava ver
e trouxeste nos lábios
um sorriso
um sorriso terno
que me inundou a alma
Mulher ou fada?
que importa
não sei se és angelical
ou humana
sei que te amei
desde o primeiro sorriso
da primeira palavra
do primeiro gesto
Amor apenas
intemporal
terreno
de mulher ou de fada
amor é amor
apenas amor

Sem comentários:

imagem