quarta-feira


Realmente por hoje estou sem cabeça para postagens. Mas parece que a Paula cometeu uma inconfidência ao referir-se à minha saúde e o meu msn, a caixa de correio e o telefone não me dão descanso para saberem o que aconteceu e ao que se deveu.Eu adoeci, porque já estava doente, andava a dormir pouco, a comer pouco, e a fumar muito. Tudo isso junto tinha que fazer algum efeito nocivo. Não adoeci por briga nenhuma como a Paula afirmou e pareceu despertar a curiosidade. O que houve nesse dia não foi uma briga, foi um arremedo de uma conversa. A mim nem o diabo me consegue assustar, quanto mais um pobre diabo. Não me afectou em nada, para além de me chatear levemente, só isso. O que vem do de baixo nunca me atingiu. A Paula deu demasiada importância ao que não teve nenhuma. Não houve nada senão uma conversa patética com um puto, que tem idade para ser homem mas a quem falta muito para o ser, entre outras coisas, falta maturidade. Nunca na minha vida isso me provocaria fosse o que fosse. Putos à parte, o que me aconteceu foi provocado por mim e só por mim. Eu é que deveria ter cuidado da minha saude e não o fiz. Foi parvoice minha e acabei pagando pela minha irresponsabilidade. Obrigado por se preocuparem e vou fazer de conta que não notei a curiosidade. Um abraço.

Sem comentários:

imagem