sexta-feira

Há pessoas que magoam pelo simples prazer de ferir. Que envenenam porque só sabem soltar veneno, que enlameiam , porque só conhecem a lama. Há pessoas que não sabem respeitar que não sabem ser amadas e muito menos amar. Para mim um assunto, seja ele qual for, tem que obedecer a três regras básicas. Primeiro, ser verdade. Nunca se deve dizer uma mentira pelo prazer hediondo de magoar quem não merece ou por uma vingança fria que vai acabar sendo mais amarga para quem a faz do que para quem a sente. Segundo e ainda que o assunto seja verdadeiro, eu tenho que estar autorizado a divulgá-lo. Se algo me foi dito em confidência, se me pediram segredo, se confiaram em mim, eu não trairei. Não falarei de assunto nenhum que me tenha sido confiado em sigilo. Por ultimo a conversa que eu disser terá que ter algum tipo de interesse. Mesmo que uma conversa seja verdadeira, não seja segredo, ainda assim só deverá ser falada se trouxer algum interesse a quem nos escuta. Porque se uma conversa não for interessante para quem nos ouve, se não tiver um conteúdo, mais vale ficarmos calados. Agora quando um determinado assunto é mentira, quando se diz pelo prazer de mentir, de ferir, isso demonstra uma verdadeira falta de caracter. Espalhar uma mentira, um boato, magoar alguém, são coisas que apenas nos diminuem aos olhos de Deus. Mesmo que ninguém mais saiba, mesmo que se consiga enganar toda a gente, Deus ninguém consegue enganar. E nem conseguimos ignorar o apelo da nossa consciência. Devemos pensar sempre duas vezes antes de dizer algo que possa ferir ou magoar. E quem mente pelo prazer de mentir, de criar problemas, de fazer sofrer, mais tarde ou mais cedo colhe o que plantou. Todos comemos os frutos das sementes que lançamos à terra. Quem espalha ódio, vingança, não pode esperar recolher amizade e amor. Quem mexe com veneno corre o risco de se envenenar com ele. E a vingança não é como se diz, um prato que se come frio, é apenas um acto vil que envenena a alma. Ainda mais se essa vingança é praticada sobre inocentes que nada fizeram para a merecer. Deveremos dar aos outros o que queremos receber. Mas acima de tudo devemos dar a todos muito respeito e sobretudo não fazer da mentira uma arma de arremesso.

Sem comentários:

imagem