quarta-feira


Deixa-me dizer-te os lindos versos raros
que a minha boca tem pra te dizer
São talhados em mármore de Paros
cinzelados em ti para te oferecer

Têm dolência de veludos caros
são como sedas pálidas a arder
Deixa-me dizer-te os lindos versos raros
que foram feitos para te enlouquecer

Mas meu amor, eu não tos digo ainda
que a boca de quem ama é sempre linda
se dentro guarda um verso que não diz

Amo-te tanto! E nunca te beijei
e nesse beijo,amor, que eu não te dei
guardo os versos mais lindos que te fiz

Este é mais um soneto da escritora FLORBELA ESPANCA


Sem comentários:

imagem